DOMINGO, 29 DE NOVEMBRO DE 2020

Descubra De Que Forma Fazer A Prova De Vida Do INSS

Publicidade

Para que tenha uma garantia sobre o recebimento da aposentadoria ou benefício é necessário saber todas as informações de como fazer a Prova de Vida do INSS. Isso porque essa prova deve ser realizada anualmente. Para que os pagamentos sigam organizados e de forma justa para todos os beneficiários. Dessa forma é possível impedir as fraudes e pagamentos para pessoas que não precisam receber o benefício. Descubra neste artigo de que forma fazer a prova de vida do INSS.

Prova de vida do INSS

A Prova de Vida do INSS, pode ser realizada de forma fácil e simples, e não exige grandes requisitos para esse processo seja realizado. De modo geral, o beneficiário vai apenas renovar sua senha, anualmente para que consiga sacar seu beneficio seja em caso de aposentaria ou em casos de pensão por morte. Dessa forma para que essa prova seja feita, o beneficiário deve se deslocar até o banco onde recebe os pagamentos todos os meses.

No banco será necessário apresentar algumas documentações pessoais atualizadas, como CNH, RG ou Passaporte. Sendo assim, será possível solicitar a prova de vida para o atendente do banco, permitindo que a senha do cartão seja alterada, para que receba o benefício. Vale lembrar que em alguns casos, pode ser solicitado prova por meio da biometria ao invés de um documento com foto. Então essas variações podem depender da agência bancaria, afinal cada uma delas possui seus próprios critérios de avaliação.

Porque Fazer prova de vida?

Mas de modo geral, podemos dizer que esse processo é bem simples. Contudo os beneficiários que não fazem essa prova podem acabar sofrendo com interrupções em sua renda mensal. Então o mais indicado é realizar a prova de vida do INSS em um prazo anual. Para que não passe do período de verificação das informações. Assim, evita ter que lidar com algumas burocracias, quando o prazo de verificação se estende além de um ano.

Vale lembrar que não existe uma data especifica para realizar esse processo, desde que o beneficiário não ultrapasse 12 meses. Mas, é importante ficar atento, pois cada agência bancária possui períodos distintos para recadastramento das informações. Por isso o melhor a se fazer é procurar informações com a agência bancária para não perder nenhum período determinado.

Publicidade

Prova de vida do INSS em caso de doença

Caso seja um beneficiário do INSS e esteja doente, sem nenhuma condição de se deslocar até uma agência bancária. Existe a possibilidade de solicitar uma nova senha sem um deslocamento. De modo geral, um procurador cadastrado e autorizado do INSS, visita o beneficiário doente para que possa verificar a autenticidade das informações sobre o benefício.

Dessa forma, ele pode renovar sua senha para que o beneficiário doente possa continuar recebendo o beneficio regularmente sem nenhuma interrupção. Também pode ser realizado o mesmo procedimento em casos em que as pessoas estejam vivendo no exterior em períodos de recadastramento.

Publicidade

Considerações finais

Por fim, agora que já tem conhecimento de todas as informações sobre a prova de vida do INSS. É importante ficar atento aos períodos de recadastramento de senha nas agências bancárias. Dessa forma, será possível continuar efetivar o processo, para não perder o benefício, e continuar com os pagamentos em dia. Em conclusão, é necessário ter muita atenção para não correr riscos de perder o benefício e ficar prejudicado na renda mensal. Sem que os pagamentos sejam realizados.

Veja Também:

Confira se MEI Tem Direito a Receber o PIS – Saiba Mais

Publicado em: 14 de janeiro de 2020

Relacionados

Deixe seu comentário

© Copyright UalBr 2020. Todos os direitos são reservados.

Este Blog usa cookies com função de garantir uma boa experiência. OK | Mais informações